SENADOR PAIM DEFENDE REVALIDAÇÃO SIMPLIFICADA DE DIPLOMAS EMITIDOS NO EXTERIOR

SENADOR PAIM DEFENDE REVALIDAÇÃO SIMPLIFICADA DE DIPLOMAS EMITIDOS NO EXTERIOR

18/02/2013 – 15h50 Plenário – Pronunciamentos

O senador Paulo Paim (PT-RS) defendeu em plenário do Senado Federal, em 18 de fevereiro, a desburocratização da validação de diplomas emitidos no exterior. O senador sugeriu a criação de um mecanismo de reconhecimento mútuo para simplificar a capacidade de análise dos títulos e aproximar os sistemas educacionais no âmbito do Mercosul.

Paim disse que tem recebido, de forma crescente, correspondências de estudantes reclamando das dificuldades de validação de seus diplomas emitidos fora do Brasil. O senador falou que o processo de reconhecimento, segundo o próprio relato dos alunos, é extremamente demorado.

– O processo de reconhecimento é extremamente demorado, burocrático, e, como eles dizem, exige uma longa caminhada – informou.

O fato de cada universidade pública ter autonomia para estabelecer critérios próprios para o reconhecimento desses diplomas seria a causa para a demora no processo e também para cobrança de valores exorbitantes segundo Paim.

– Os trâmites pesam no bolso de quem estudou lá fora e está desempregado aqui no Brasil. Não existe um valor predefinido. Cada instituição cobra o quanto quer. Por isso, os valores podem chegar ao dobro de uma universidade para outra – explicou o senador.

O senador sugeriu que, no âmbito do Mercosul, seja facilitado o reconhecimento de diplomas emitidos nos países-membros do bloco.

– Acredito que seja possível criar um mecanismo de reconhecimento mútuo, simplificando a capacidade de análise dos títulos e aproximando os sistemas educacionais, tanto para brasileiros como para aqueles que não são brasileiros e que têm o mesmo problema no campo do Mercosul – sugeriu.

O senador citou a Comissão de Revalidação, como é chamada, que tem-se dedicado ao tema, no âmbito do Conselho Nacional de Educação. No entanto, ressaltou que é preciso intensificar os acordos especialmente para os casos do Mercosul, já que o processo de reconhecimento de títulos ainda é moroso.

Paulo Paim também afirmou que existem vários projetos no Congresso Nacional que tratam do tema e defendeu o avanço nas votações dessas propostas.

FONTE: Agência Senado

http://www12.senado.gov.br/noticias/materias/2013/02/18/paim-quer-validacao-simplificada-de-diplomas-emitidos-no-exterior

Outras notícias